terça-feira, 5 de abril de 2011

Meus riscos e rabiscos


Entre o sol,a lua e as estrelas,há também uma sombra,

um pouco de silêncio,pensamentos que vão além,

mas que voltam rapidamente em forma de poesia,

de riscos e rabiscos,sentem,temem,

se protegem no cantinho de meu silêncio,

pertubado,condenado,mas por vezes com grande fúria,

se enlança como uma lança a ferir todo meu ser...

Minha lágrima ,meu sorriso,minha ira,

meu limite que não se limita,só explora,me condena,

por fazer o que não fiz...

Mas porque deixar para trás toda esta candura que me empurra,

me arrasta,me machuca,me suavisa,me inspira,

os meus riscos e rabiscosque se tornam por ventura

tudo o que quisera ser...

São meus traços,meus embaraços,meus compassos,meu prazer,

que me levam a caminhos que sempre quisera pertencer...

Mas que mera ilusão minha,fantasias que não são minhas,

mas que julgam a meu viver....

E de volta ao meu silêncio,que não se explica,não se entende,

mas que me prende entre grades, que só eu sei o porque...

Há quem me dera que é nestes traços,nestas sombras que me encontro,

me entendo ,me eleva,me abriga , me consola e me ilumina,

nos meus traços,nos meus compassos,

a vontade de viver junto ao sol e as estrelas....

http://mariaselmadr.blogspot.com/
 autora:Selma
EU RESPEITO DIREITOS AUTORAIS...

24 comentários :

Paulo Francisco disse...

Belos riscos e rabiscos!
Gostei dos traços e compassos.
Um beijo

Beatriz disse...

hermosos versos,... te seguiré leyendo
beijo

Secreta disse...

Beijito.

Arnoldo Pimentel disse...

Lindos seus versos, parabéns e um lindo dia pra você.Beijos

Wanderley Elian Lima disse...

Olá amiga Evanir
Com seus riscos e rabiscos, vais transmitindo todos os seus sentimento em forma de poema, assim tornando sua vida mais suave e bela.
Bjux

Xipan Zéca disse...

Evanir...

Passando pra deixar uma big vbeijo e aqgradecer tua presença sempre em minha frôrestinha... rss

Beijo
Deusssssssssssskiajude
Tatto

Rosa Mattos disse...

oi, Evanir, bom dia!!

Estou encantada com o texto da querida amiga Selma. Do começo ao fim, um espetáculo de candura entre a realidade e a fantasia, o desejo de estar no cosmos - presa e liberta. Lindamente escrito, entre as melancolias das sombras que impedem o voo.

Parabéns Selma, adorei sua prosa, seus Riscos e Rabiscos.

Querida amiga Evanir, um beijo e meu afeto, sempre seu/!♥

✿ chica disse...

Lindos riscos e rabiscos da Semla por aqui...beijos às duas,chica

Rosa Mattos disse...

Amiga adorada, você viu só isso?

Enquanto você estava deixando recadinho pra mim, eu estava aqui deixando recadinho pra você. rs

Sim... esta sua iniciativa é de grande generosidade para com os poetas e suas criações.

Querida, deixo mais um beijo♥

Obrigada sempre. Lindo dia pra você/!

selma disse...

Oi amiga,afilhada madrinha,fico muito ,está lindo o poema aqui,afigura do sol e da lua...linda....agradeço os comentários amigos e da querida poetiza Rosa Mattos pela profunda interpretação do poema....este poema escrevi nos anos 90 e ficou até agora arquivado no tempo....escrevi este textos qdo tinha vontade de brilhar junto as estrelas e ser reconhecida com minhas artes,mas que ilusão a minha o importante é qdo brinhamos no oculto de nossa alma....um gde beijo amiga,afilhada madrinha,amo você....

Natália Rocha disse...

Nossa!
Amei o poema!
Belas palavras tecidas de verdade e sensibilidade!

Adorei teu espaço de luz!
Seguindo-te desde sempre!


Beijos*


Obrigada pela carinhosa visita!

edumanes disse...

São rabiscos se senhor,
Que nos fazem pensar
Para qualquer sonhador
Que pretende o amor encontar.

Pelos caminhos do silêncio,
Para evitar ser perturbado
Pelas estrelas do essêncio
Deixam seu caminho iluminado.

Um abraço
Eduardo.

Perola disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Perola disse...

Tudo ao seu tempo né minha flor,enquanto essa mágica toda ñ acontece buscamos beleza onde sequer imaginávamos existir.
Beijos minha linda e obrigado pela visita.

Verinha disse...

Sempre com coisas lindas por aqui Evanir!

Beijoquinhas em seu coração..
Verinha

Olhos de mel disse...

Lindo, minha amiga! Esse arrependimento do que não se fez, deixa a grande dúvida: será que se fizesse não seria melhor? Mas acredito que não. Porque todos os caminhos passados, são exatamente aqueles que teríamos de passar e por vários motivos.
COm certeza querida viver junto ao sol e as estrelas, acho que é, ainda, um sonho. Mas podemos ir lá, quando estamos vivendo algo que nos realiza e nos deixa feliz.
Amei o post!
Boa semana! Beijos

Pena disse...

Preciosa e Linda Amiga:
"...Minha lágrima ,meu sorriso,minha ira,
meu limite que não se limita,só explora,me condena,
por fazer o que não fiz...
Mas porque deixar para trás toda esta candura que me empurra,
me arrasta,me machuca,me suavisa,me inspira,..."

Enternecedor. Mágico. Sublime.
Um delicioso poema de amor.
Bem-Haja, doce e maravilhosa amiga.
Escreve com talento e beleza.
Parabéns sinceros.
Boa Noite.
Beijinhos amigos de respeito e gratidão pela ternura da sua visita.
Sempre a admirá-la

pena

Bem-Haja, notável amiga.
Honra-me a sua linda amizade.
MUITO OBRIGADO sentido.
Adorei.

M. disse...

Riscos e rabiscos não são para ti. Mais além!!!

Machado de Carlos disse...

Assim como dizia Olavo Bilac podemos até ouvir Estrelas!
Belo poema!

Ouvir Estrelas

"Ora (direis) ouvir estrelas! Certo
Perdeste o senso!" E eu vos direi, no entanto,
Que, para ouvi-las muita vez desperto
E abro as janelas, pálido de espanto...

E conversamos toda noite, enquanto
A Via Láctea, como um pálio aberto,
Cintila. E, ao vir o sol, saudoso e em pranto,
Inda as procuro pelo céu deserto.

Direis agora: "Tresloucado amigo!
Que conversas com elas? Que sentido
Tem o que dizes, quando não estão contigo?"

E eu vos direi: "Amai para entendê-las!
Pois só quem ama pode ter ouvido
Capaz de ouvir e de entender estrelas".

Um grande Abraço!

нєllєи Cαяoliиє disse...

E de volta ao meu silêncio,que não se explica,não se entende,mas que me prende entre grades, que só eu sei o porque...

Cada um sabe o motivo do silêncio que levamos conosco aos fios dos dias!
Divino seu poema como sempre amada.
Beijos e um ótimo fim de dia pra ti!

Paulo V. Pereira disse...

bonita sombra!

Sônia Silvino disse...

Evanir querida!
A Selma é muito talentosa. Uma ótima escolha!
Beijinhos, amada!

Folhetim Cultural disse...

Olá passo em seu blog para convidar você a visitar o meu que é dedicado a cultura. De segunda a sexta feira noticiário cultural aos sábados minha coluna poética ás 09 horas da manhã e ás 5 da tarde Chá das 5 sempre com uma participação especial. Irei aguardar sua visita lá. Abraços sucesso em seu blog. O endereço é informativofolhetimcultural.blogspot.com

Magno Oliveira
Twitter: @oliveirasmagno ou twitter/oliveirasmagno
Telefone: 55 11 61903992
E-mail oliveira_m_silva@hotmail.com

SAM disse...

Belos rabiscos de uma sensível poeta!

Beijos de boa noite querida amiga.

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios