domingo, 27 de outubro de 2019

Amor livre, sem amarras

Que o nosso amor seja livre como o vento
Que se liberte das amarras da negligência
Que não escureça como vadio sentimento
Que não sinta a maldade da insolvência
*
Que seja divino como é o teu olhar
Que saiba sair da gaiola da amarração
Que seja iluminado pelo livre sonhar
Que cole as paredes do nosso coração
*
Que seja o sorriso oriundo da felicidade
Que seja como uma andorinha nos beirais
Que seja a pétala da doce verdade
Que amarrado não se sinta jamais
*
Que vivamos juntos num só pensamento
Que o nosso amor nunca se sinta separado
Que mesmo longe em vil tormento
Nos diga que caminhamos lado a lado
*
Que o nosso amor seja puro, verdadeiro
Que voe livremente pelos ares da liberdade
Que do nosso carinho seja doce herdeiro
Que nos ensine como é amar de verdade.

Autor: gil antónio*
Força, fé, saúde, coragem e Deus. Obrigada pela sua gentil visita e comentário.
QUANTAS SAUDADES.
 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios