domingo, 8 de julho de 2018

.O ÚLTIMO VOO!

Voei como se fosse um passarinho,
Percorri distâncias nas linhas do meu sonho,
Repousei tristezas, no silêncio do espaço,
Busquei forças, no vazio do meu cansaço...

Falei ao vento, - De tristeza estou morrendo,
Te peço, venta pouco, em meu momento,
Não faça de meu corpo, um simples fragmento,
Nem de minh’alma, da dor, o instrumento...

Me leve ao ninho, na hora programada,
Será pr’a mim, a última morada,
Poderei contar-te, minha triste história,
De cansadas asas e de muita luta inglória...

Quero que a lua, me sirva de mortalha,
Que um raio, corte o céu, como navalha,
E cada estrela, ao ser por ele, dividida,
Ilumine, o voo... Desta ave, em despedida...

   Lani (Zilani Celia)
http://zilanicelia.blogspot.com/


 Força, fé, saúde, coragem e Deus. 
Obrigada pela sua gentil visita e comentário.

Um dia especial é aquele que
percebemos que fizemos amizades
em lugares tão distantes.
Agradeço sempre pelo carinho.
A mim não importa quantidade ,
mas a honestidade de uma amizade
sincera. 
A você que segue  carinhosamente 
Deixo um pedacinho do meu coração.
PS:Estou bastante ausente em tratamento
muitas vezes fui criticada por falar 
da minha vida.
Obrigada a vc que fez as criticas
Me ensinou a resolver direto 
com meu Deus .
As dores que não desejo a vc 
e a ninguém passar.
Na vida tudo se  passa 
tudo se transforma.
Postagem dedicada a quem me ama verdadeiramente.
Com todo meu amor desejo saúde e paz.
Breve meu Filho estará de volta.



8 comentários :

Evanir disse...

Preciosos os corações que não guardam mágoas,
só acomodam ternuras...
Aqui você sentira a paz que procura
simplesmente eu te desejo tudo.
Abraços.
Beijos no coração.
Eterno é tudo que dura
pra sempre.

Rejane Tazza disse...

Linda poesia da zilani!
Sempre bom te ver!

Tens noticias do Emanuel de Portugal? Estamos preocupados!
Bjs chica

Roselia Bezerra disse...

Boa noite, querida amiga Evanir!
Seu filho como esta?
De notícias dele pois estamos muito preocupados.
Você me sensibiliza com o que posta com tanto carinho aqui.
Tenha uma nova semana feliz e abençoada junto aos seus amados!
Bjm muito carinhoso e fraterno de paz e bem

Larissa Santos disse...

Parabéns pela escolha que fez. Adorei.

{B C- Poetizando } Como é longa esta saudade...

Bjos
Votos de um óptimo Segunda - Feira.

Graça Pires disse...

Foi boa a escolha do poema da Lani. Espero e desejo que a sua vida tenha tudo de bom.
Uma boa semana.
Um beijo.

LUCONI MARCIA MARIA disse...

Evanir amiga inesquecível, vim matar a saudades de você e encontro este poema belíssimo da Zilani tua sensibilidade fez que você escolhesse este poema tão belo apesar de triste. Beijos em teu coração.

Luísa Fernandes disse...

https://poemasdaminhalma.blogspot.com/
Oi, minha alma gémea Evanir!
Excelente escolha, belíssimo poema. Hoje vim matar a minha saudade e deixar um pouquinho de mim... para ti!

Minha libelinha assustada
Pousa aqui e acolá
Tudo é repentino
Mas fica o perfume lá!

Perfume que exalam as flores
Sem esquecer os seus amores
Fica o aroma mais suave
Mas o que importa é estar lá…

Ainda que seja à distancia
Essa fragância é diamante
Para quem a ela possui
Sempre lembra a cada instante…

Minha Jói-inha de luz
Minha caixinha de marfim
Para mim és preciosa
Encantas que nem “Querubim”…

Beijinhos de paz e luz
Nesse teu lindo coração
Soa como passarinho
É fofo como algodão!!

Um forte chi-coração, mil beijinhos e que Deus te abençoe!
Luisa Fernandes





Hellen Caroline disse...

Lindeza de poema... uma leveza que toca a alma!
Mas é tão delicado que precisa de muito tempo para ler e reler...
é como se estivesse descrevendo sua alma nele,e precisa ser tocado com cuidado!
Um abraço grande!

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios