quinta-feira, 7 de abril de 2011

Ninguem Vai Te Amar Como Eu Te Amei.


Ninguém vai te amar como eu te amei,
Dei tudo de mim, até o impossível.
Dei meus dias, dei minha vida,
Dei minha alegria minha juventude.
Ninguém vai te amar como eu te amei,
Porque só eu sei dos teus desejos,
Respeito tuas vontades e anseios.
Ninguém vai te amar como eu te amei.
Ninguém vai te amar de forma tão verdadeira,
Ninguém vai te ouvir, em dias de turbulência.
Ninguém vai te amar como eu te amei.
Como a força de um elefante,
Como a fúria do vento,
Com um olhar de águia.
Ninguém vai te amar como eu te amei,
Sem pudor, sem preconceito,
Cheio de amor....cheio de brilho.
Ninguém vai te amar como eu te amei,
De forma verdadeira, única!
Da minha maneira, mas amei-te!
Só lamento se não fui o que querias
Se não fiz o que sonhavas,mas amei-te!
Ninguém vai te amar como eu te amei.
Seria bom, se tu pudesses voltar a ser
A borboleta do meu jardim.
Mas tenho que aceitar,
Que a nossa linda história
Chegou ao fim.
Saber que tu podes ter sido
Chamada por outro coração.
Mas ninguém vai te amar como eu te amei!
Com toda a força de minha alma.
Publicada por Ricardo Gonçalves
EU RESPEITO DIREITO AUTORAIS..

24 comentários :

Paulo Francisco disse...

Um lamento!
Numa separação sempre vai existir um lado que sofrerá mais - é a lei da separação.
Gostei do texto.
Um beijo.

★MaRiBeL★ disse...

─█───▄▀▐▌▀▄─▐█▌▐█▌▐██─
─█──▐──▐▌──▌─█▌▐█─▐▌──
─█──▐─▄██▄─▌─█▌▐█─▐██─
─█──▐█▀▐▌▀█▌─▐▌▐▌─▐▌──
─███─▀▄▐▌▄▀───██──▐██─
★MaRiBeL★

Dora Regina disse...

Simplesmente divino o teu poema, eu gostei muito.
Um grande abraço!

edumanes disse...

Ficou o sofrimento
De quem muito amou
Guarda no coração
Vive com o pensamento
De um o amor que a deixou.

Lindo poema
Um abraço.

Misturação - Ana Karla disse...

Muito inspirador o poema.

Bom dia Evanir.
Xeros

A. Reiffer disse...

Ótimo teu blog, gostei muito, de qualidade e bom gosto. Parabéns! Abraços!

Pelos caminhos da vida. disse...

Restou a dor, a saudade...

Bom dia Evanir!

beijooo.

Natália Rocha disse...

Ninguém vai te amar como eu te amei.
Ninguém sofrerá por ti como eu.

Amei imensamente o poema.
Lindo!
Muitas vezes resta somente a dor, a saudade.


Beijos*
Tenha um lindo dia!

MARLY BASTOS disse...

Vibrante e carregado de emoções!
Ameiii
Beijos e um bom dia

Cristal - ♥♥♥Ani♥♥♥ disse...

Obrigada por compartilhar querida...


Lindo poema...

Beijos

Ani

Sandra Botelho disse...

Um amor assim é entrega plena e quando termina, deixa somente o vazio...Lindo demais amiga, e não se preocupe que entendo que estás passando por problemas com teu pc.
espero que se resolva logo viu.Estaremos sempre de braços abertos e coração alargado a te esperar.Bjos em seu coração

Everson Russo disse...

Um amor assim é tudo que a gente precisa,,,amor eternos,,,amor com a força da alma,,,aquela que explode e invade o infinito dos sentimentos,,,,imenso beijo de linda tarde pra ti maezinha querida..


p.s. obrigado de coraçao pelo seu comentario desabafo...rs..rs..a gente tem que aturar esses anonimoa ainda,,,pessoa sem fé,,,sem carater, sem amor, o que sempre digo, provavelmente frustrado na vida, seja homem ou mulher, é como voce bem disse,,,melhor compar uma Biblia e ter uma boa leitura...e o bom desses insanos que aparecem, é que junto deles,,,vem o EXERCITO DA AMZADE,,,,esse é invencivel...beijos e beijos.

Mariazita disse...

Querida Evanir
Muito amor significa muito sofrimento quando se dá a separação.
Triste, mas muito bonito poema.

Minha querida, eu gostaria de a visitar todos os dias e a toda a hora:)
Infelizmente (ou felizmente...) isso não é possível, porque tenho muitos outros blogs a visitar.
Mas não pense que eu a esqueço... Nem pensar!
Virei SEMPRE, me aguarde:)))

Um beijinho muito GRANDE e continuação de boa semana.

Valéria Sorohan disse...

Bela digital poética de Ricardo Gonçalves.
Essa música do seu blog é linda, parabéns e para terminar que dizer que fiquei honrada com a sua visita.

BeijooO*

Olinda Melo disse...

Olá, Evanir

Lindo poema!E a música também é divina.

Beijo
Olinda

Naty e Carlos disse...

Milagre é tudo aquilo que enche o nosso coração de paz.
Paulo Coelho
Bjs com carinho Naty

Amapola disse...

Boa tarde, querido amigo Evanir.

É difícil amar o nosso amor como ninguém, e saber que ele foi chamado por outro coração que o mereceu.
Bela escolha.

Muito obrigada pela honra da sua visita, e pelo comentário.

Um grande abraço.

selma disse...

...Seria bom, se tu pudesses voltar a ser
A borboleta do meu jardim...
....este jardim quem sabe não tenha sido mais regado com carinho e ternura e as flores deixaram de exalar o seu perfume....
Minha querida afilhada madrinha e amiga do coração muito obrigada pelo carinho ficou linda a colocação do mimo....beijos alma linda....

Veronica disse...

Olá Evanir, vim ler mais um pouquinho do seu blog que chei lindo! E já estou seguindo,

Uma ótima tarde. bjs

As Tertúlias... disse...

Que beleza!!!!!!!!!!!

Obrigado pelo carinho!!!!

Pena disse...

Linda e Doce Amiga:
Um fascínio e deslubre, o seu poema de hoje.
É fabulosa nas suas opções poéticas fantásticas e preciosas de magia pura.
Lamento o que me descreveu no meu blogue.
O povo do Brasil não merecia? Delícia. É lindo.
Beijinhos amigos de boa noite.
Com respeito.
Sempre a lê-la atentamente e com admiração pelo que concebe de deslumbrar.

pena

MUITO OBRIGADO pela sua ímpar ternura no meu blogue.
Bem-Haja, enorme amiga fabulosa.
Adorei.
É maravilhosa.

C. disse...

Linda a forca desse amor, enquanto existiu...
Sempre digo por aí que "amar demais derrama", há que amar muito, mas na medida certa.
E ficam as (eternas) palavras, e comoventes, sentidas, sempre que lidas.

# Beijos!

Néia Lambert disse...

Espero que apesar da dor vc continue postando seus belos versos.

Beijos

Ingrid disse...

viver e amar.. amar e viver..
beijos linda!...

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios