sábado, 26 de novembro de 2016


Quando penso em você me sinto flutuar,
me sinto alcançar as nuvens,
tocar as estrelas, morar no céu...

Tento apenas superar
a imensa saudade que me arrasa o coração,
mas, que vem junto com as doces lembranças do teu ser. 

Lembrando dos momentos
em que juntos nosso amor se conjugava
em uma só pessoa, nós...

É através desse tal sentimento, a saudade,
que sobrevivo quando estou longe de você.
Ela é o alimento do amor que encontra-se distante...

A delicadeza de tuas palavras
contrasta com a imensidão do teu sentimento.
Meu ciúme se abranda com tuas juras
e promessas de amor eterno.

A longa distância apenas serve para unir o nosso amor.
A saudade serve para me dar
a absoluta certeza de que ficaremos para sempre unidos...

E nesse momento de saudade,
quando penso em você,
quando tudo está machucando o meu coração
e acho que não tenho mais forças para continuar;
eis que surge tua doce presença,
com o esplendor de um anjo;
e me envolvendo como uma suave brisa aconchegante...

Tudo isso acontece porque amo e penso em você...
William Shakespeare.

14 comentários :

emanuel moura disse...

Maravilhoso momento querida afilhada, palavras ternas que acalentam o nosso coração , a nobreza deste momento é revelador da pureza do seu lindo coração querida afilhada ,nestas palavras envolventes cheias de beleza revejo toda a nossa amizade que floresce a cada dia que passa ,que Deus me continue iluminando com a sua presença que tanto admiro e estimo,muitos beijinhos no seu lindo coração querida afilhada

Cidália Ferreira disse...

Maravilhoso escrito. Bom demais

Bom fim de semana
Beijinhos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Nal Pontes disse...

Lindas palavras que postou aqui. Amo vc amiga. Bjs

Enrico zio disse...

Molto dolce questo scritto.
Felice domenica cara amica Evanir
Un abbraccio affettuoso enrico

Carmen Lúcia.Prazer de Escrever disse...

Palavras maravilhosas de Willian Shakespeare.
Bjs amiga Evanir e um lindo domingo.
Carmen Lúcia.

CHARO disse...

Bellas palabras del gran escritor Shakespeare. Besicos

Maria Adeladia disse...

Boa tarde! Que palavras tão belas! Passando para desejar-lhe um ótimo domingo. Beijos.

Graça Pires disse...

A saudade dos momentos bons. A saudade daquilo que se deseja.
Uma boa semana, Evanir.
Beijos.

Mariazita disse...

Um texto muito bem escolhido, querida Evanir.
Certamente não será muito conhecido, embora toda a gente saiba quem foi Shakespeare...

Votos de uma semana muito feliz.
Beijinhos
MARIAZITA / A CASA DA MARIQUINHAS


Roselia Bezerra disse...

Boa noite, querida amiga Evanir!
O amor sempre foi exaltado ao longo dos tempos... ele está em nosso coração e de toda humanidade...
Bjm muito fraternal

Luísa Fernandes disse...

Lindo gostei, minha querida Evanir!
por momentos senti saudades
me fez lembrar de momentos de autrora,
por vezes esquecidos...
outras em minha memória
quem não tem saudades de amor?...
beijinhos maninha querida...te amo!
Luísa Fernandes
poemasdaminhalma.blogspot.pt

Luísa Fernandes disse...

Lindo gostei, minha querida Evanir!
Por momentos me fez acordar
e avivar sentimentos de outrora,
que por vezes esquecidos
mas no fundo vêm à minha memória.
Beijinhos minha doçura...te amo maninha!!
Te abraço forte, Deus te abençoe.
Luisa Fernandes

Helena Medeiros Helena disse...

Evanir, querida amiga, tu sempre a nos trazer textos que embelezam o nosso olhar, perfumam o nosso coração e nos iluminam a alma. O amor, a saudade, a perda, a dor, a ausência, tudo se torna grandioso num texto de Shakeaspeare.
Que te cheguem horas lindas, meu anjo, para iluminar estes dias que antecedem o Natal.
Meu carinho num beijo no teu coração,
Leninha

Denise Carreiro disse...

Que poema doce, de uma delicadeza impar! Comovente. Muita paz!

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios