sábado, 28 de fevereiro de 2015

Obrigada por sua visita! Seu comentário é muito importante para mim. Até onde posso, vou deixando o melhor de mim... se alguém não viu, foi porque não me sentiu com o coração.
                                              
Viver.

Sinto-me agraciada de poder acordar, 
Respirar, e saborear o ar puro da manhã.
Depois de ter a felicidade do sono dos justos,
E de ser despertada pelos ruídos da vida.

O meu coração e meus olhos estão limpos,
A min ‘alma sadia e cheia de alegria.
Abro meus braços e digo:
Que bom poder respirar!
Meus pulmões vibram de alegria.

Em meus olhos, a luz do céu se irradia.
Viver é amar as coisas da vida.
Imagino-me como pássaro voando... 
Admirando e carregando em meu coração
A imensidão desta graça.

Mariângela Vieira.

Belinha Era Uma 
Cachorra Da Raça Puldo .
Branca como a Neve.


Ontem quando postei meu cantinho falei da minha tristeza,
pois é ,minha Belinha morreu hoje  antes das 11 horas da manhã.
O veterinário chegou para busca-la.
Quando peguei á no colo  deu seu último suspiro.
Foi minha única vez que falei do meu amor
pelos os animais.
Espero que entendam minha sensibilidade  e meu amor por todo ser que vive.
Sem amor nada sou.
Lamento com tristeza o descaso ,
que muita gente  tem pelos os animais.
A alguns anos atrás tinha muitos blogs de animal
de estimação.
Tinha uma amiga , que tinha um como
protetora dos animais.
Hoje as coisas mudaram muito 
esta difícil de seguir o modernismo desses
novos tempos.
Para minha surpresa o veterinário 
me passou um numero de telefone
para buscar o corpinho da minha cachorrinha.
Eu já havia arrumado uma caixinha
toda perfumada coberta de saudades.
Quando chegaram para busca-la
Tive uma enorme surpresa .
Dois rapazes vestido de enfermeiro
desceram pegaram a caixinha 
colocou num baú com camará fria.
Ao interrogar para onde á levaria.
Foi para São Paulo com mais animais 
também mortos para cremação.
Meu dia foi de lagrimas Belinha
era fiel amiga e minha maior companhia.
E assim encerro essa postagem .
Deus abençoe o Domingo de que aqui passar.




26 comentários :

Carlos Augusto Pereyra Martínez disse...

Tres poemas que le apuestan al lirismos desde orillas donde el amor se ofrece sin embozos. UN abrazo. Carlos

✿ chica disse...

Lindas poesias e desejo que tua cachorrinha fique bem! Nos apegamos tanto à elas,né?

Fica bem! bjs, chica

Estael disse...

Poesias lindas Evanir!!!
Também fico muito triste quando as cachorrinhas daqui de casa ficam doentes.
O conselho que te dou é: cuide dela enquanto puder. E, vamos torcer para que ela fique boa.
Com Deus!
Bjus

Louraini Christmann - Lola disse...

Ahhhh, amiguinho doente
também me tira do sério.
Obrigada por partilhar a angústia.

abraço

CHARO disse...

TE DESEO UN FELIZ FIN DE SEMANA.BESICOS

Cidália Ferreira disse...

Belos e sentidos texto. Adorei

Tenha um bom fim de semana.

Bom sábado, beijo

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

SOL da Esteva disse...

Poemas que marcam a Alma.
Palavras que fundem os versos em mensagens de Amor e dor.
Amanhã, a aurora abrirá outro dia e a Esperança ressurgirá.


Beijos


SOL

Gracita disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
emanuel moura disse...

Boa noite querida afilhada ,momentos belos e ternos de amor e angustia ,mas com certeza tuda na vida e um ciclo que tem um principio e fim ,mas cabe-nos a nos todos amarmos cada ser com muita dedicaçao e paixao ,pois avida e demasiada bela mas curta demais para agradecermos tudo que bom nela existe ,muitos beijinhos querida afilhada que Deus continue iluminando a sua vida.

Clau disse...

Olá Evanir \o/
Gostei muito da postagem!
Viver, é sem dúvida um presente de Deus, devemos ter gratidão por isso.
E o amor de Deus, realmente ressoa
em tudo descrito nesses belos versos...
Bjs!

Lucinalva disse...

Olá Evanir
Lindo poema. É triste demais perder um animal. Desejo um ótimo final de semana. Bjs

Maria disse...

Querida afilhada, só agora ao chegar aqui dei conta da sua perda...os animais entram e ficam no nosso coração como as pessoas só que de uma forma diferente e muitos fazem na nossa vida toda a diferença...Mil beijos minha querida pense que agora sua companheira fiel está em descanso e paz...Vou mandar mail logo mais tarde!
Maria

Cidália Ferreira disse...

Belos texto que aqui foram postados!

Desejo-vos bom Domingo.

Beijos

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Ambra disse...

Un saluto e buona domenica.

Evandro L. Mezadri disse...

Olá Evanir!
Lindas obras para começar o domingo!
Grande abraço, sucesso e ótima semana!

Fê blue bird disse...

Minha querida amiga, imagino como se está sentindo pois já passei por essa dor também.
Os animais fazem parte da nossa vida, eles nos amam incondicionalmente e há gente que não sabe retribuir esses imenso amor.
Espero que ultrapasse com coragem mais essa tristeza.

beijinho com carinho

Lindalva disse...

Olá querida amiga. Este não é um comentário comum, mas um convite (spam claro kkkk) Nosso dia é todo dia, mas dedicaram um dia a nós: o 08 de março, que assim seja, mas na Ilha dedicamos uma semana inteirinha para nos kkkkkk venha minha amiga, vamos nos juntar, ficar juntas e misturadas. Grande beijo cor de rosa no coração.
http://folhas-da-ilha.blogspot.com.br/2015/03/semana-da-mulher-2015-na-ilha.html

Guaraciaba Perides disse...

A sua Belinha viverá enquanto estiver em sua lembrança..A poesia de Mariangela faz a alegria da vida.
Muito bonita!
um abraço

Maria Rodrigues disse...

Querida amiga lamento muito a morte da sua cachorrinha Belinha. Os animais tornam a nossa vida bem mais alegria, eles são uma companhia preciosa, quando partem deixam uma saudade imensa.
Muita força amiga e um enorme beijinho.
Maria

ALUISIO CAVALCANTE JR disse...

Querida amiga

Há tanto amor
nos nossos companheiros
de estimação,
que só quem os tem
é capaz de entender
a sua importância
e a sua falta
em nossa vida...

__________________________________

“Um sonho é uma parte de nós
onde está guardada a semente da esperança.
Cuidar desta semente é a minha,
a sua, a nossa missão na vida.”

REINVENTANDO disse...

Lindos poemas e sempre é triste e fica o saudosismo de sua cachorrinha que era tão querida por ti.
Grande abraço.
Sandra

Ane disse...

Oi Evanir! Puxa vida,sinto muito por sua cachorrinha...Todos nós que amamos estes peludos sofremos muito quando eles vão embora...Eu mesma enterrei minha gatinha numa caixinha atrás do meu predio,não quis que levassem ela junto com os outros animais do hospital veterinário...Um abraço!

POETA CIGANO disse...

Querida amiga e poetisa Evanir !!!!!!

Passando por aqui para deixar o meu
Abraço e carinho e, ao mesmo tempo,
Deleitar-me com a beleza de seu Blog e Conteúdos. Perdoa-me a demora na visita, Tenho estado muito atarefado. Quero também Desejar-lhe um lindo dia e maravilhosa semana, Com muita paz, amor e felicidade em seu
Coração. É o que lhe desejo!

Beijos de luz !!!!!!!!

POETA CIGANO – 02/03/2015

http://centelhaspoeticas.blogspot.com

“Meus Sonhos e Devaneios Poéticos”




Obs: Se ainda não pegou, no lado direito Do meu Blogue, no “Presentes para os amigos”, Tem um mimo para seu belíssimo Blogue.
“ESTE BLOGUE VALE OURO”. Basta
Copiá-lo (Capturá-lo) para seus arquivos , Salvá-lo e colá-lo em seu Blogue. Você é uma Amiga especial e me sentiria honrado.

Kasioles disse...

Siento mucho, amiga mía, y comprendo lo triste que tienes que estar, no importa que sea un animal de compañía el que has perdido, para ti, Belinda, era algo más, te entendía, era tu fiel seguidora, compañera y amiga, seguro que te daba todo su cariño a cambio de nada.
Esperemos que el tiempo vaya borrando las heridas y el vacío que dejan estos animales a los que se les llega a querer tanto, te lo digo por experiencia.
Cariños en abrazos.
kasioles

Anete disse...

Evanir, o meu abraço nesta 2ª feira...
Poema lindo da Mariângela...
Relato sobre a Belinha muito tocante... Conforto na saudade que está sentindo!

Muita paz e saúde...

Mariangela do Lago Vieira disse...

Oi Evanir!
Obrigada por partilhar meu poema, amei.
Mas a perda da sua Belinha me deixou triste, pois nos acostumamos tanto com esses nossos bichinhos, que quando se vão, é muita dor!
Mas passa...
Beijos, e fique com Deus!
Mariangela

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios