sexta-feira, 28 de outubro de 2011

Homenageados .Brasil e Portugal..

Obrigada por sua visita! Seu comentário é muito importante para mim. Evanir
“Aquele que está acostumado a viajar,
 sabe que sempre é necessário partir algum dia” 
(Paulo Coelho)
BEIJOS nO cORAÇÃO.
EVANIR

*****BRASIL*****

Despir-se

Aprisiona a essência.
Em nome do efêmero do corpo
Do fulgás do mundo.

Veste-se com roupas que não lhe cabem,
Pés aprisionados, desconforto indesejado,
Escolhe uma mascara para mais esta farsa.

Ri como se houvesse graça,
Se esforça para sentir o porquê de estar ali
Vazio por dentro, mero passatempo.

E, dentro em silêncio.
Os gritos lhe falam ao ouvido
Está tudo errado
Sem sentido.

Nessa fração de segundo que sente do mundo.
Ouve o próprio coração e canto
Entende o porquê de tanto desencanto.

Caminha em direção ao ar
Precisa respirar.
Despe-se de tudo, joga máscara ao vento
Chama do âmago um sorriso
Livra-se de todo os artifícios.

Há ainda um incômodo febril.
Faz uma oração em silêncio
Aproxima-se do que há de céu dentro de si.

E percebe a alma esta vestida.
Desnuda-a. Desnuda-se.
Sente-se verdadeira
Sorri serena, enfim.
Links para esta postagem
Postado por Fátima
http://almaaflordapele.blogspot.com

*****PORTUGAL*****

DESPIDA

Sinto-me despida de palavras… 
Não sei o que escreva pois, tanto tenho para dizer…
Nem sei por onde começar… 
Não quero falar de guerras
Não quero falar de fome e de miséria
Mas a verdade é que quanto mais as rejeito, mais as sinto...
E mais as vejo por ai…
Cruzo-me diariamente com o desemprego, com a falta de saúde…com a desonestidade
Com palavras vãs...
Apetece-me ver o Mar todos os dias…é isso!
Sei que vou sentir a sua falta no Inverno
Posso vê-lo, mas sem sentir-me estreitada nos seus braços
Nem os seus salpicos me beijarão os pés
Nem o sol a comungar com as águas límpidas, dar-me-ão o calor que preciso para ter fé
Sinto-me despida de coragem para vencer
Parece-me que não vou ser capaz
Já pouco me seduz
O desencanto inundou-me
Apetece-me fazer alguma coisa, mas não sei o quê!!! 
Uma loucura??? Sim, seria feliz na minha insanidade!!!
E provocando a dos outros…
Seríamos tão mais felizes se nos deixássemos levar…vez ou outra!!!
Mas ... como que nos amputamos de alegrias
Como se nos proibíssemos de sorrir…gargalhar que nem doidos varridos!
Quase como se fosse pecado!
Como se os que sofrem nos viessem chamar à realidade, crua e mal vestida!
Mas sinto-me mesmo despida de palavras…
Talvez porque cansei-me de palavras
Apetece-me muito mais berrar!!! Agir!!! 
Mas não sei como, nem o quê...
Ai, como me sinto vestida de desalento...

Célia Freitas
Publicada por CF
 http://pas

46 comentários :

Mari-Pi-R disse...

Gracias por tus poemas tan bonitos que nos vas dejando a lo largo de los días.
Una feliz semana
Besos

Silvia disse...

Lindos poemas.
Bom final de semana.

Dilmar Gomes disse...

Amiga Evanir, muito bonitos os poemas de hoje. Eles são lindos!
Um abração. Tenhas um bom fim de semana.

ana costa disse...

Cada poema que lemos aqui é como se estivéssemos alimentando o espírito!
Cada um tem a sua beleza muito própria!
Um beijo

Asas da Ilusão disse...

Resumo: Desnudar a alma de palvaras. Interessantes esses dois poemas. Gosto como escolhes os poemas, eles sempre tem uma ligação. Muito bem! Precisamos desnudar a alma, e sim, precisamos despirnos de palavras e AGIR para que nosso mundo continue a respirar. Bj amiga!

Kinha disse...

Todos nós precisamos disso mesmo, de vez em quando: despir-se e respirar...
Passei pra te desejar um bom fim de semana, querida!

VeraBruxa disse...

Passo prá dizer olá e divulgar trabalho da minha nora: www.buchholz.com.br

Estou precisando me "despir"...
Abraço.

Alê disse...

Um abraço enorme!

Irismar Oliveira disse...

Ivanir amiga passando para te deixar um abraço e te desejo um belo dia!!

Anita de Castro disse...

De uma grande beleza cada palavra um poema cada poema um sentimento
Um beijinho Evanir

edumanes disse...

Reservas na viagem
Coragem para se despir
Não servem de aprendizagem
Distâncias não fazem sentir
Amizades não vividas
Afastadas e esquecidas
Livres na liberdade do pensamento
A qualquer momento desprezadas
Despidas do sentimento
Por não terem sido vividas nem realizadas
Boa tarde minha afilhada! Evanir,
Por nossa amizade, a venho cumprimentar
Antes de partir, até amanhã dizer
Sem primeiro lhe desejar
Quero que fique a saber
Que seu padrinho sempre em você está a pensar
E nunca irá sua afilhada Evanir esquecer.
Desejo para você, um excelente fim de semana,
Um beijo
Eduardo.

R. R. Barcellos disse...

A VIAGEM é um elo
Que une mundos separados,
Ligando em paralelo
Versos que vêm dos dois lados....

Abraços.

Joop Zand disse...

Lovely poema..... my compliments

warm greetings from Holland, Joop

big hugs

Tunin disse...

Os poemas aqui publicados, trazem palavras suaves, fortes, que falam ao coração do leitor. Abração, Evanir!

garoto cientista disse...

Paulo Coelho é sempre bem vindo. Belíssimo poema. Abraços.

Marli Carmen disse...

Olá! Estou sorteando o livro “O Retorno do Mestre”, do escritor André Victtor no meu blog:
http://amazoniaumcaminhoparaosonho.blogspot.com/2011/10/sorteio-no-dia-das-bruxas.html

Venha participar! É até amanhã!

Simone MartinS2 disse...

Passei para deixar-te um bjin e fique bem!

Célia disse...

Ir. Viajar. Sair. Despir-se. Desnudar-se. Despedir.
Ações fortes e necessárias na vida de todos nós.
Abraço, Célia.

Je Vois La Vie en Vert disse...

Bonitos poemas !
Muitas felicidades par o novo circulo de sua vida !
Fico à espera de notícias.
Beijinhos
Verdinha

Evanir disse...

" A Viagem "
Hoje de algum lugar longe dessas terras há um doce olhar só para você...
Um olhar especial de alguém especial de distantes origens...
Um olhar de um justo coração que pulsa só a vida...
Que sorri por que ama plenamente, sem julgamentos, preconceitos, nem prisões...

Hoje como ontem, longe desses céus há um encantado olhar só para você
Nesse olhar vai para você...
A magia da luz...
A simplicidade do perdão...
A força para comungar uma vida e...
A esperança de dias mais radiantes de paz...

Hoje de algum lugar dentro de você, alguém que já o amou muito e ainda o ama, diz para você...

Que valeu a pena ter estado nessas terras, sob estes céus...
Falando de união, paz, amor e perdão...
Poder sentir a força que faz você sorrir...
E continuar o caminho que um dia aquele doce olhar iniciou para você...
Tudo isso só para você saber...
Que a vida continua e a morte é apenas uma viagem.
Texto extraído da novela "A Viagem"
Postado por RODRIGO GOSTON FERNANDINO

Desnuda disse...

Querida amiga,

Sempre excelentes escolhas!


Deixo o meu carinhoso beijo! Bom fim de semana amiga.

rosa-branca disse...

Olá amiga Evanir, como sempre belas escolhas. Adorei. Passei também para saber se se encontra melhor. Beijos com carinho

Maria del Rayo disse...

Gracias por tus preciosos poemas!!
Saludos en Jesús y María!!

Esplendor da Criação disse...

Olá Evanir.
Não sei se estou despida de palavras ou se vou despir minha alma; ou melhor as palavras vieram cobrir minha alma de emoção e felicidade com tanta inspiração neste blog! Um lindo fim de semana, bjs. Ieda.

Sonhadora disse...

Minha querida

Passando para te desejar um bom fim de semana e deixar um beijinho.

Sonhadora

lucilene disse...

Oi mãe olha eu aqui , vim deixar um beijo enorme em seu coração, e dizer que te amo muito e estou torcendo pela senhora e sabes o que estou dizendo te amo princesa linda da minha vida sua filha Lu.

Rebecca^^ disse...

hola Evanir,
lindos poemas nos ofreces de tus amigos.
El Silencio es el arma de los inteligentes, una medicina para seguir adelante con juicio.

En el poema Despido percibo mucha tristeza por un mundo que va a la autodestrucción. Muy bien realizado.
Ambos poemas me gustan.

un abrazo^^
Rebecca

Solange disse...

belas homenagens hoje, Evanir..
tenha um sábado cheio de paz..

bjs.Sol

Antonio Pereira (Apon) disse...

Como de costume. Belos e bem escolhidos poemas.

Um abração e um poético fim de semana.

Rosa Eliza disse...

Bom dia querida amiga do meu coraçao.Adorei sua visita no meu cantinho.Obrigada pelo seu carinho.
Os Poemas são lindos.
Bjss com muito carinho no seu coração.Que Deus te abençoe sempre.
Um lindo final de semana e uma semana maravilhosa.

Magia da Inês disse...

°º♪♫
°º✿♪♫
º° ✿♫ ♪♫°
Olá, amiga!
Seu blog é um paraíso para quem gosta de poesia... faz um bem para a alma!
Bom fim de semana!
Beijinhos.
Minas°º♪♫
°º✿♪♫
º° ✿♫ ♪♫°

Everson Russo disse...

Um belo sábado pra ti Mãezinha querida, paz, carinho e muita poesia sempre...fica na paz de Deus...beijos e beijos.

SOL da Esteva disse...

Evanir

Belos temas os escolhidos para nosso benefício.
Os Poema apresentados parecem ter um denominador comum, contudo, enquanto para a Fátima é claro poder tecer-se um pensamento/comentário, o mesmo não sei dizer da Célia Freitas, a que não consigo aceder ao Blogue, afim de "comparar" o seu estilo.
Assim, linearmente apenas posso referir a sua "meditação" própria que entendo fundamentada na incapacidade de ter o
"(...)calor que preciso para ter fé
Sinto-me despida de coragem para vencer (...)
Já pouco me seduz
O desencanto inundou-me (...)"

Está lá tudo o que é estado de espírito e é demolidor!

Para ti. Para as Homenageadas, o maior beijo


SOL
(PS - Evanir. Sei de ti como sei de mim. As ausências mútuas têm motivos soberanos. De quando em vez acendo o pavio de mim, como hoje)

mfc disse...

Faz-me bem esta visita e ler as tuas escolhas!
Sempre escolhas de qualidade.
Bom fim de semana e beijinhos.

♫ ♪ Wilson Miguel ♫ ♪ disse...

Amiga Evanir,

Nos versos selecionados ouço a voz que anseia por liberdade de expressar o que está escondido no fundo da alma. Às vezes a vida nos intima a tomar decisões inadiáveis para que possamos alçar grandes vôos. Viver é isso...

Um beijo de luz no seu coração e desejo que seu final de semana seja de muita paz

Deus seja contigo

Olinda Melo disse...

Querida Evanir

O seu blog está lindíssimo.Adorei.

Os poemas que postou são lindos,lindos.Parabéns aos autores.

Beijos

Olinda

Adriana Vargas disse...

Meu amor!
queria apenas que conseguisse ver, o quanto é especial!
Estava passando pelo youtube, e lhe trouxe uma música de lá, gostaria que escutasse, e lesse na legenda a tradução, é tudo que lhe desejo:

http://www.youtube.com/watch?v=cbOIO82LMsU&feature=related

Ailime disse...

Minha amiga e linda Evanir,
Que poemas tão especiais que vamos comungando nesta Viagem conjunta onde fica sempre bem expresso o sentido da mesma: o amor.
Grata por ser quem é.
Um beijinho com o meu carinho.
Ailime

Arione Torres disse...

Oi querida, como você está? Estou sentindo o sua falta.
Tenha um ótimo fim de semana, bjus e fica com Deus...

Jossara Bes disse...

Evanir Querida!

Todos temos um "grito" preso na garganta!
Seja de opressão, de amor, ou até até mesmo de dor, fisíca ou não!
Então, expressamos nosso gritos ao mundo!
E que sejamos ouvidos!
Como de costume belas escolhas!
Beijos!

Beatriz Prestes disse...

Pausas são sempre necessárias!!
Precisamos nos permitir este respirar!!
Beijão carinhoso querida
Bea

Conceição disse...

Olá amiga,

Muito lindos os poemas, obrigada por repartires.
Beijocas e bom Domingo.
São

Fátima disse...

Evanir

Eu estou surpresa, não sabia que você tinha postado um poema meu aqui!!
A principio estranhei, verdade, mas achei uma grata surpresa.
Por fim... Obrigada!

Beijo

Sandra Botelho disse...

Por aqui tudo é lindo sempre. Belos poemas.Bjos achocolatados

Eloah disse...

Querida amiga, não te preocupes com tuas ausências, agora tua preocupação maior deverá ser em ficar saudável.Tenho certeza que com esta tua doçura, vitalidade e amor empreenderás esta viagem com o sucesso de sempre.Lindo dia de domingo.Bjs no coração Eloah

Maria disse...

Querida amiga que poemas lindos.
Um domingo maravilhoso e uma boa semana.
Beijinhos
Maria

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios