sábado, 25 de junho de 2011

Homenageados .Brasil e Portugal..


Portugal

Quadras do meu bornal

Há uns burros prepotentes
Que escouceiam e dão zurros
Se dão ar de inteligentes
Chamando aos outros burros

Mas os burros portugueses
Já não são todos iguais
Uns dão coices mais burgueses
Outros dão coices banais!


Nunca tentes responder
Aos coices que os burros dão
É preciso não esquecer
O que és e eles são
Publicada por Jorge em

http://lapispressgoogle.blogspot.com/

Meus Amigos E Amigas.
A Poesia è De Um Querido Amiga De Portugal.
Obrigada Gente Linda E Amiga De Portugal
O carinho De Vocês È Muito Importate.
Que ,,Deus Abençoe Nossa Linda Amizade.
Agradeço A Todos Pelo Carinho (Brasil).
E Todos Que Tem Laços Comigo
Meu Abraço...
**********
Brasil
Piracicaba 

SEM PLATEIA

Esta noite estarei só
despojada de todos os medos.
Ninguém aqui entrará
nem a dor que bate
recostada à minha porta
nem a solidão
andarilha da noite alta.

Quero sozinha
ser o alvo
ser a festa
sem ensaio
sem motivo.
Apenas eu
cara lavada
corajosa

renascendo de mim mesma
como quem sabe o que quer
assim meio bicho meio gente
mas acima de tudo:
Mulher!

Shirley Brunelli Crestana
Querida Amo Piracicaba
Já Morei Nessa Linda Cidade.
http://asfaltodashoras.blogspot.com/

45 comentários :

Kinha disse...

Belo poema!
:)

Marly Bastos in "palavreados ao vento" disse...

Esse de Portugal me fez rir bastante. Muito bom a poesia do Jorge e a poesia da Shirley é linda e sensível. Amei seus posts.
Beijokas querida e que Deus te abençoe com toda sorte de benção.

Ingrid disse...

sempre belíssimos..
linda amiga Shirley..
beijos querida Evanir e um ótimo findi..

Simone MartinS2 disse...

"renascendo de mim mesma
como quem sabe o que quer
assim meio bicho meio gente
mas acima de tudo:
Mulher!"

Forte e bonito, esse trecho me encantou, pois nos mulheres somos assim, quase que o tempo todo, ou ate, o tempo todo...E voce, esta melhor? Tenho orado a DEUS por ti e espero que melhores,amei o jeito novo de teu blog., ficou com mais vida, mais lindo, mais vivo!Parabens! Bom fim de semana e fique com DEUS! bjin

Pena disse...

Preciosa Poetiza Amiga Genial:
"...Mas os burros portugueses
Já não são todos iguais
Uns dão coices mais burgueses
Outros dão coices banais!..."

De certeza que não foi você, linda amiga, que poetizou este poema difícil de aceitação.
Sou português. Se sou "burro" que dirão todos os cidadãos honestos e sinceros portugueses que a comentam aqui com ternura de maravilhar?
"Burros", nós? Custa a acreditar?
Mas, quam tem o direito ou permissividade para tal sentir que desgosta todos os meus compatriotas.
Bem-Haja, pela amizade e pela sua magia de enternecer.
Diga lá, ao poeta, que tem que tem que ter maior cuidado no que expressa. Pode ferir um País inteiro: Portugal, que tenho no meu peito.
Abraço amigo de respeito.
Com admiração constante ao seu mágico e sublime sentir.

pena

Bem-Haja, notável ser humano de sonho.
Sim! VOCÊ tem imenso valor. Pelo menos para mim, acredite?
Tudo o que faz deslumbra.
Parabéns sinceros.

Sônia Silvino disse...

Oi, Evanir querida!!!!
Criei um selo especial para presentear a você:
http://selosemimosdosblogsdasoniasilvino.blogspot.com/2011/06/um-presente-especial.html
Motivo? Eu adoro este blog!
Beijos meus!

Antonio Fernández López disse...

Te agradezco que hayas entrado en mi blog. Yo te devuelvo la visita con mucho gusto y espero que solo sea la primera de muchas más que vengan después. Yo me comprometo a seguirte y espero y deseo que tú también. Un beso

isa disse...

Uma escolha feliz para este post!
Beijo.
isa.

Jorge disse...

É preciso entender
o que estes versos são!
Uma simples alusão
a "UNS" burros prepotentes!

Viva Portugal. Viva o Brasil
Obrigado Evanir. Felicidades!
Um beijo amigo.

Bernardo disse...

Gostei

Jorge Bichuetti - Utopia Ativa disse...

Evanir: suas poesias e poetas nos emocianam... Grandioso trabalho. Abraços com carinho, jorge

Arnoldo Pimentel disse...

Muito lindas as homenagens. Desejo-lhe um lindo fim semana, tudo de bom pra você, beijos

Mário Cravo disse...

Ola Evanir!!!
Nao me sinto nada melindrado pelo poema postado sobre os burros portuguesas. Sou portugues por adopçao, nasci em Angola, mas sentia-me mal por ter adptado este pais. Se pensarmos bem, os chinese ai mudar de ano mudam de animal, e nos os portugueses, tivemos e aguentamnos o mesno burro, quase 8 anos. De qualquer modo, adorei tuas postasgens de hoje. Continuaçao de tuas melhoras. Beijos...

Everson Russo disse...

Hummmmmmmmm,,,,,ficou lindo isso aqui vestido de azul, o azul é sempre uma cor que traz tranquilidade e serenidade,,,lindo demais maezinha qeurida...beijos e beijos de bom sábado pra ti na paz de Deus sempre.

Jorge disse...

Obrigado a todos os que não se sentiram melindrados pelos meus modestos versos:

É preciso entender
o que as palavras são:
liberdade de escrever
o que está no coração!

E Portugal já não é
visado pela censura
Não entender o que lê
não é falta de cultura
é ver mal o que se vê!

Prof. Irapuan Teixeira disse...

Volto a elogiar o visual deste blog, parabéns.

Tunin disse...

O que dizer das tuas escolhas?! Que são sempre maravilhosas. Lindos poemas! Abração.

sandrinha disse...

Iupii!só no embalo da Sanfona aqui amiga..e correndo que nem malukete atrás da Maria Fernada!afff!sei lá a quem puxou esta sapequinha!será que foi a vózinha dela?rsrs!

Miga que bom te ver por lá!sumidinha!afff!eu estou quase malukete com 3 blogs!isto é para doido mesmo!mas feliz com minhas casinhas e amigos!
Te deixo um beijinho!vem bailar!a festança só começou!vai até São Pedro vui!

cidinha disse...

Oi, amiga Evanir! belos versos.Renascendo de mim mesma como quem sabe o qui quer assim meio bicho meio gente mas acima de tudo mulher!Querida amiga passando por aqui, me sinto em Portugal. Tenha um lindo fim de semana.. Bjs e bjs....

Nilson Barcelli disse...

Dois excelentes poemas.
Parabéns pela escolha.
Querida amiga Evanir, tem um bom fim de semana.
Beijo.

Lindalva disse...

olá afilhada, ainda não telefonei kkk mas como tu ando atolada em afazeres e olha não precisa ficar sempre se desculpando pelo copia e cola, quem é teu amigo de verdade e sabe de teus problemas não vai se importar com o ctrl C ctrl V e sim ficar feliz por receber tua iluminada visita. Olha estou te esperando desde cedo no Ostra pois hoje foi e está sendo a abertura do 5º pena de ouro e a homenagem ao Mário Neves, tem tb selo presente pra tu na gadget BLOGS POÉTICOS... um doce sábado minha querida e como sabes que sou desavergonhadamente direta PREFERIA MAIS O ANTIGO LAY E CORES :-) belissimo trabalho da Neinha como sempre, mas o viagem já tinha identidade própria. Beijos no coração não vou prometer nada kkkkkk

IreneCandy disse...

Entiendo un poco de portugués, así que he podido coger alguna palabra suelta de este poema y darle sentido.

Belo!! :D

Un besitooo ;)

Manuela e o Reino Animal disse...

Que lindo é o seu blogger , aminha primeira vez aqui e já estou totalmente encantada , beijoooos !!!

Rosi Alves... disse...

eu amei um abraço!

MARILENE disse...

Seu blog ficou lindo! os poemas, ambos maravilhosos. E de estilos totalmente diferentes.
Obrigada por mais essa viagem.
Bjs.

Su disse...

Boa tarde amiga querida. Lindos poemas,e uma amiga de Piracicaba, vou conhecer o cantinho dela, estamos pertinho! Surpresa boa!

Evanir, espero que esteja melhor e se cuida! Beijinhos e lindo sábado. Su.

M. disse...

Mais três:)

O mundo cabe aqui:)

PauloSilva disse...

Parei aqui para ouvir a sua linda musica e ler o que você partilhou com os leitores que só bem que querem.

Sempre aqui estarei minha querida amiga. E o sempre no meu dicionário não acaba.

Manuel disse...

Gosto de ler e no fim, mesmo mentalmente, faço a minha escolha.
Hoje foi difícil porque adorei as duas, géneros diferentes mas bem conseguidas.

MARILENE disse...

Eu não encontrei (heheheheheh).
Devo estar com problemas de visão. Lá é lindo.
Onde está? (rss)

Bjs.
Marilene

G I L B E R T O disse...

Evanir

Lindos! Lindos poemas!

Magico momento aqui!


Grato


gilberto
nel mezzo del cammim

**♥✿-franciete-✿♥** disse...

Amar alguém é a grandeza de um pequeno gesto, amar o teu próximo como gostarias de ser amada, nunca o deixes sem uma palavra de carinho ou mesmo de afecto.
Este é o meu presente para hoje para você amiga de além mar que eu amo de coração, beijinhos de luz e muita paz...

Maria disse...

Amiga sempre escolhas excelentes que mostram a sua grande sensibilidade.
Bom domingo.
Beijinhos.
Maria

Jeferson Cardoso disse...

Eivanir, linda a homenagem! Eu que sou neto de portuga fiquei até emocionado. Parabéns! Obrigado pelo carinho e atenção ao meu blog!

Carla Fernanda disse...

Lindas Evanir!
Beijos e bom fim de semana!!
Beijos,
Carla

Tati Lemos disse...

aah que lindeza de blog, adorei aqui muita coisa bonita, lindas palavras. Obrigado pela visita, volta sempre@


Beijos

http://claudiaaoextremo.blogspot.com/ disse...

Ola Evanir minha queridaaa
Tudo bem contigo???
Passando para agradecer seu carinho e amizade e desejar lhe um maravilhoso final de semana!!!
Beijo querida!!!

Desnuda disse...

Querida amiga,

Sempre lindas as suas homenagens!

Um bom domingo Evanir! Beijos com carinho.

selma disse...

Oi afilhada e dinda,para você também um final de semana harmonioso...a casa está linda....beijo da madrinha e afilhada selma.

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

eu ADOREI essa homenagem! Pq o povo português é um povo muito culto, sensível. e sim, muito inteligente! linda homenagem.

E que apenas a FELICIDADE lhe seja companheira, querida Evanir! Tudo o que for ruim, que suma da sua vida pra sempre, que seus dias sejam sempre de bons momentos! Assim desejo com força.

bom domingo minha querida!

Artes e escritas disse...

Gosto da natureza do burro, que é bom...rs,rs. Salve Jorge1 O outro poema é de uma bela delicadeza melancólica. Um abraço, Yayá

Kinha disse...

Você sempre será mais que bem vinda em meu cantinho, Evanir!

♥♥♥Ani♥♥♥ - Cristal disse...

Oi querida,

Sempre muito bom gosto...
E vc tá melhorzinha???
Espero que sim...

Se cuida...

Beijos e uma linda semana pra você e todos os seus.

Ani

Severa Cabral(escritora) disse...

O azul desenha remansos...onde se torna pausa refrescante para nossos olhos cansados...e vc nos banha com reflexos de porcelana que é assim que te vejo...e nem me pergunte pq...são coisas da sensibilidade que Deus me presentiou...e divido com os irmãos,uns gostam de saber e outros fogem...mas estou sempre para deixar um pouco de luz para iluminar nosso universo...e tenho aprendido com vc muita coisa...como ainda irei aprender muito mais...fica com a paz nas tuas mãos...

SOL da Esteva disse...

Evanir

O Poema de intervenção, sobre os Burros de Portugal, tem a mais valia de não ser muito explorado como objecto de elites. Contudo, a sua valia é extraordinária. A ideia é fazer sorrir com a verdade.
Sobre o que a Shirley escreveu, vou tentar reproduzir o Comentário que Postei no seu Sítio. Acho não encontrar outras palavras mais adequadas.
Disse:
É um Verdadeiro Poema de exaltação da condição e dignidade da Mulher, das Mulheres.

Parabéns a todos

SOL da Esteva
http://acordarsonhando.blogspot.com/

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios