terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

Obrigada por sua visita! Seu comentário é muito importante para mim. Até onde posso, vou deixando o melhor de mim... se alguém não viu, foi porque não me sentiu com o coração.

Lá fora a indiferença,
 a frase interrompida. 

O descaso. 
A pressa. 
O problema sufocado na garganta. 

Lá fora a correria, a agonia, as lutas.
Lá fora a competição, as discórdias, a solidão. 
Quando, porém, fecho a porta do meu quarto...
 quando oro, Senhor! 

Quando o soluço da minha alma alcança o teu coração,
 Pai, e me ouves! 
Sinto-me forte.
Passarinho restaurado pela tua graça! 

Posso virar brisa que areja o mundo!
Sal da terra, que espalha amor. 
O doce perfume de Cristo 
neste mundo Sofredor!
Nunca o mundo precisou tanto de poesia como agora. 

Nunca os homens se digladiaram tanto!
Nunca sofremos tanto em consequência 
das nossas próprias culpas!
Amigo! 

Apure os ouvidos e ouça o clamor profundo, abafado, clamando do mais profundo da sua alma.
Procura ouvir enquanto ainda resta em você o resquício de um sonho qualquer!

Poesia: 
Bálsamo para a Alma Ferida!
Oásis no deserto da Vida! 
Esperança! 
Nunca o mundo careceu tanto
de humanidade e de poesia como agora!
Enfim O Mundo Precisa Urgente
De Paz  e Amor.

24 comentários :

Carlos Augusto Pereyra Martínez disse...

Cierto, el mundo está huérfano de humanidad y poesía. Por eso, para humanizarlo, hacerlo entraren el camino de la poética que es la misma vida. Un abrazo. carlos

Josélia Micael disse...

Olá amiga!
Sua poesia é linda...!
Tal como seu blogue, meus parabéns!
Adoro ler seus poemas...!
Beijo carinhoso em Cristo Jesus.

Josélia

Josélia Micael disse...

Olá amiga!
Sua poesia é linda...!
Tal como seu blogue, meus parabéns!
Adoro ler seus poemas...!
Beijo carinhoso em Cristo Jesus.

Josélia

AMBAR disse...

Hola Evanir.
Preciosos todos tus versos, siento tardar tanto en pasar pero no me olvido de ti, tampoco de tus profundas y bellas letras.
Un abrazo.
Ambar

✿ chica disse...

Muito linda e o mundo realmente precisa muito de poesia, sempre e cada vez mais! bjs, chica e tudo de bom!

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Evanir

Adorei este poema, maravilhoso!

Beijinho
http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Crocheteando...momentos! disse...

Um beijo amigo e que Deus lhe dê forças para prosseguir sua caminhada!!!

vendedor de ilusão disse...

Evanir, cara amiga!
Concordo contigo: o mundo precisa urgente e paz e amor...
Beijos.

SOL da Esteva disse...

Poesia (linda) que é a Oração do Dia. Um chamado ao recolhimento.
Bela escolha.
Parabéns.


Beijo


SOL

CHARO disse...

Tus entradas siempre son muy emotivas y llenas de bonitas palabras.Besicos

Lindalva disse...

Bom dia flor do dia. O Carnaval real passou, mas na Ilha só se encerra sábado (21/02) kkkkk, pois é no neste mundo irreal podemos fazer e acontecer e, como muitos haviam viajado ou estavam sem net a Sereia decidiu fazer esta surpresa para que a festa ficasse completa com todos os seus poucos, mas bons amigos. Beijos no coração – E VAMOS QUE VAMOS!
http://festa-na-ilha2.blogspot.com.br/p/blog-page_29.html

Mariangela do Lago Vieira disse...

Oi Evanir boa tarde!
Que ótima postagem amiga, e muito verdadeira!
Nunca mesmo, o mundo precisou tanto de
Deus como agora.
Ainda é tempo!
Uma ótima semana pra você!
Beijos,
Mariangela

Guaraciaba Perides disse...

Oi, Evanir, um tema bem interessante e que anda nas mentes de todas as pessoas...os momentos terríveis pelos quais o mundo inteiro está passando...os ânimos acirrados pelo ódio e pelas guerras,pelos preconceitos e falta de caridade.Precisamos de mais fé, esperança e caridade...gentileza, solidariedade e com certeza mais poesia.
Um abraço

Toninho disse...

Perfeito grito minha querida amiga.
O mundo de poesia pode transformar o estado de coisa que vivemos, onde o mais o querer mais ultrapassa os limites cabíveis da razão a gerar uma incontrolável corrida para o nada.
Mais poesia, mais harmonia e um mundo melhor com certeza.

Que a semana esteja leve e feche bem com paz em cada dia.
Meu abraço com carinho e admiração.
Beijo de paz no seu coração.

Manuel disse...

Também pode haver, lá fora, amor e esperança.
Vamos pedir que assim seja.
Beijinho

emanuel moura disse...

Boa noite querida afilhada hoje nao me vou alongar nas palavras porque ainda estou no trabalho na hora da pausa ,mas aproveito para lhe deixar um lindo poema ,me perdoe ,espero que goste ,muitos beijinhos do seu padrinho .

Cumplicidade



Não existe amor sem correspondência.
Quem ama
tem alma de poeta,
todos que amam...
Amor necessita cumplicidade,
espanto,
como uma revelação estrondosamente nova
amaciando corações
e dando respostas tão esperadas.

O amor não se faz de platonismos distantes,
porque tudo que não é reciprocidade
acaba morrendo como uma planta sem água.
Seca!
Assim são os sonhos,
secam se não regados,
se não sonhados e construídos contra a correnteza.

Amar, poetiza,
é se encontrar no outro,
morada dos desejos,
depois de tanto tempo longe do lar.
É cantar com os pássaros o dia anunciado,
interagindo com a natureza,
com todas as formas naturais da criação divina.
O amor se faz dessa comunhão permanente,
desse ardor, dessa sede,
dessa tempestade que varre a indiferença,
que varre o olhar interesseiro da carne.

O amor também é quente,
como uma vontade de sublimação,
tocar o corpo da alma amada
e ali explorar cada canto,
provocar suspiros.
Entregar as sensações mais absurdas
e depois abraçar forte
como se só ali valesse a pena viver.

Amar,
amar...
Necessidade que se faz dessa entrega mútua,
dessa vontade de viver no outro,
dessa elevação à dimensão superior.
Amar
é essa entrega e esse chamado,
essa convocação do céu.

Amar é ver teu sorriso
e ali ter a recompensa por todas as dores já tidas nessa vida.

Helena Medeiros Helena disse...

Também acho, minha amiga, que o mundo nunca precisou tanto de poesia como agora. Estamos vivendo uma época de desamor, de egoísmo, de vaidade, e as relações vão ficando minadas, deterioradas pela negligência em se aprofundar os afetos, em desejar que os relacionamentos sejam verdadeiros, cada um contribuindo com a sua cota de sinceridade, de doação, de desprendimento. O mundo está carente de amor, de flores a brotar na alma, de poesia!
Uma expressiva postagem nos trouxeste hoje, minha linda! E que bela oração ficou entremeada entre os lamentos...
Que nunca faltem sorrisos no teu coração, flores na tua alma e estrelas no teu olhar, personificando a esperança de ver a POESIA espalhar-se pelo mundo.
Com carinho,
Helena
(http://helena.blogs.sapo.pt)

Estael disse...

Olá!!!
Boas falas. Poesia é sempre bom.
Tenha um bom dia.
www.atelieprovence.blogspot.com.br

Josiel Dias disse...

Olá Graça e Paz.

Parabéns pelo belo trabalho neste seu site.
Já tornei-me vosso seguidor. Aproveitamos a oportunidade
Para compartilhar também com vocês o nosso blog.
Fiacremos felizes por vossa visita e mais ainda se seguir-nos.

Atenciosamente

Josiel Dias
Mensagem Edificante para Alma
josiel-dias.blogspot.com
Rio de Janeiro
Brazil

Vera Lúcia disse...

Lindo o seu blog. Hoje, passeei por ele. Quanta coisa bonita, profunda, brotada da alma, do fundo do coração.
Isto sim, é viver.

Miguel disse...

Minha querida amiga Evanir
Postagem maravilhosa, com rico conteúdo, que nos faz reflectir.
Gostei imenso.

Com votos de um muito feliz fim de semana, deixo...
Um beijo
MIGUEL / ÉS A MINHA DEUSA

Denise disse...

Nunca o mundo careceu tanto de pessoas q não sejam indiferentes. E o poeta é alguém sensível, nunca será indiferente. Muita paz!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Evanir.
Deus é o nosso maior consolador, ele nos enche de esperança e nos faz acreditar que o amor é possível.
Bjux

Ailime disse...

Ola minha querida Afilhada, como tem passado amiga?
Que lindo poema/oração!
O mundo anda às avessas e bem necessitamos que as nossas vidas sejam envoltas por lindos poemas de amor e esperança.
Deixo-lhe um beijinho de luz e paz no seu coração.
Com o meu carinho e amizade, sempre. Ailime

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios