sexta-feira, 23 de junho de 2017


 Não Pode Tirar-me as Esperanças
Busque Amor novas artes, novo engenho 
Para matar-me, e novas esquivanças; 
Que não pode tirar-me as esperanças, 
Que mal me tirará o que eu não tenho. 

Olhai de que esperanças me mantenho! 
Vede que perigosas seguranças! 
Pois não temo contrastes nem mudanças, 
Andando em bravo mar, perdido o lenho. 

Mas conquanto não pode haver desgosto 
Onde esperança falta, lá me esconde 
Amor um mal, que mata e não se vê. 

Que dias há que na alma me tem posto 
Um não sei quê, que nasce não sei onde; 
Vem não sei como; e dói não sei porquê. 

Luís Vaz de Camões, in "Sonetos"

Força, fé, saúde, coragem e Deus.
Obrigada pela sua gentil visita e comentário.

14 comentários :

Elvira Carvalho disse...

Camões é sempre uma ótima escolha.
Abraço e bom fim-de-semana

emanuel moura disse...

Bom dia querida afilhada maravilhosa escolha que nunca percamos a fé e a esperança no nosso coração ,que possamos viver sempre uma nova busca de felicidade em cada momento que Deus e a vida nos concede a cada amanhecer ,pois as adversidades sempre farão parte da nossa vida ,cabe-nos a nós contornarmos cada uma com muito amor e dedicação e esforço ,maravilhoso sábado querida afilhada beijinhos no coração.

✿ chica disse...

Sempre bom ler Camões! beijos, tudo de bom, desejando que estejas bem! chica

CHARO disse...

Te deseo un felicísimo día de San Juan.Besicos

Graça Pires disse...

Que a esperança esteja sempre em seu coração, Evanir.
Um beijo.

Jaime Portela disse...

Um soneto que não morrerá nunca...
Bom fim de semana, amiga Evanir.
Beijo.

Guaraciaba Perides disse...

Um dos mais lindos sonetos da língua portuguesa. parabéns!
Um abraço

Louraini Christmann - Lola disse...

Grande Camões!
Grande escolha.

abraço
Lola

Manuel disse...

Foi tão bom receber notícias suas.
Estamos os dois afastados dos Blogues mas continuamos juntos na amizade.
Sempre a terei no meu coração e pensamento.
Os amigos bons são para a vida. Beijinho

Beatriz Bragança disse...

Querida Evanir
Nem sabe como fiquei orgulhosa por ver que escolheu Camões! Ele é o expoente máximo!
Um homem que combateu, foi bravo e, ao mesmo tempo, com um coração cheio de sensibilidade.
Segundo alguém disse:«Ele escreveu para a eternidade».
Um beijinho
Beatriz

Denise Carreiro disse...

Não conseguimos viver sem esperança. Muita paz!

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Boa tarde, querida Evanir,
Camões,o grande poeta, o grande motivador de corações.
Gosto da escrita dele, desde os tempos de escola procurava por seus textos, por suas poesias.
Grande abraço!

Louraini Christmann - Lola disse...

Grande escolha!
Grande poesia!
Grande poeta!

abraço
Lola

Rita Sperchi disse...

Boa noite td bem por aqui....
Vim fazer minha visita e ,convidar vc
para uma brincadeira la no meu cantinho
Será um prazer sua participação, e parabéns
pelo belo post
Abraços com carinho!

└──●► *Rita!!

 
TOPO
©2007 Elke di Barros Por Templates e Acessorios